Sport vence CRB e fora do G4 da Série B

Postado em 12 de Junho de 2019

 João de Andrade Neto /Superesportes

 

O Sport não fez uma grande apresentação, mas jogou o suficiente para bater o CRB por 1 a 0 e conseguir a segunda vitória seguida na Ilha do Retiro nesta Série B. Placar, no entanto, insuficiente para devolver o Leão ao G4, o grupo de acesso à Série A. Isso porque os rubro-negros chegaram aos mesmos 15 pontos da Ponte Preta, mas levam desvantagem no saldo de gols, ficando na 5ª colocação. 


Agora, a Série B dá uma pausa por conta da disputa da Copa América. No retorno à competição, o Sport fará duas partida em sequência fora de casa. A primeira, marcada inicialmente para o dia 13 de julho, contra o São Bento. Depois, os pernambucanos encaram o Cuiabá, na Arena Pantanal. O próximo jogo na Ilha está agendado para o dia 23 de julho, contra o Brasil-RS. 

O jogo

Para a partida, o técnico Guto Ferreira teve um desfalque de última hora, com o zagueiro Rafael Thyere sendo vetado por conta de uma virose. Assim, o Sport foi a campo com uma dupla de zaga inédita, formada por Cleberson e pelo estreante Eder. No meio de campo, a novidade foi o retorno do volante Ronaldo na vaga do suspenso Charles. Porém, em um primeiro tempo de baixo nível técnico, o sistema defensivo do Sport foi pouco exigido.

Da mesma forma, o Leão, errando muito na saída ofensiva e com pouca criatividade, também ficou devendo. Tanto que apesar da partida contar com 72% de bola rolando até os 20 minutos, nenhum lance foi digno de registro de ambos os lados. O Sport, por sinal, só conseguia chegar com certo perigo graças a erros absurdos na saída defensiva do CRB. Em um deles, aos 37 minutos, o goleiro Édson Mardden mandou na cabeça de Hernane e a bola acabou caindo nos pés de Guilherme, em condição de impedimento, que desperdiçou.

Três minutos depois, finalmente o Sport conseguiu uma boa triangulação no ataque com velocidade. E com isso abriu o placar, com direito a uma pitada de sorte. Depois de bom cruzamento de Ezequiel, Hernane, sem goleiro e na entrada da pequena área, conseguiu mandar no travessão. Sorte dele, e do Sport, que Guilherme aproveitou o rebote: 1 a 0.

Segundo tempo

As duas equipes voltaram sem modificações para a etapa final, mas o gol do Sport no final do primeiro tempo parece ter acordado rubro-negros e alagoanos. Com dois minutos, cada time perdeu uma grande oportunidade. O Leão com Norberto chutando para boa defesa de Édson Mardden. O CRB com Felipe Ferreira finalizando para fora após boa jogada individual do ex-rubro-negro Allison Farias.

Com o CRB ocupando mais o campo de ataque e ameaçando uma pressão em busca do gol de empate, Guto Ferreira fez a primeira mudança aos 15 minutos, com Leandrinho entrando na vaga de Sammir. A intenção era dar mais velocidade na saída para o ataque. E em seu primeiro lance, o meia arriscou de fora da área obrigando Mardden a fazer uma defesa no susto. 
 

Porém, com o passar do tempo, os erros de passe e de tomada de decisões voltaram a acontecer em grande volume, de ambos os lados, fazendo com que a partida caísse mais uma vez tecnicamente. Nesse cenário, melhor para o Sport que controlou os minutos finais e somou mais três pontos na luta para voltar à Série C. Ronaldo ainda foi expulso nos descontos. No último lance, Mailson defendeu chute perigoso de Willie.

Ficha do jogo


Sport 1
Mailson; Norberto, Éder, Cleberson e Sander; Ronaldo, Yago (João Igor) e Sammir (Leandrinho); Guilherme (Juninho), Hernane e Ezequiel. Técnico: Guto Ferreira.

CRB 0
Édson Mardden, Daniel Borges, Víctor Ramos, Édson Henrique e Igor; Ewerton Páscoa, Lucas e Felipe Ferreira (William Barbio); Allison Farias, Léo Ceará (Willie) e Bryan (Mailson). Técnico: Marcelo Chamusca.

Local: Ilha do Retiro
Árbitro: Cláudio Francisco Lima e Silva (SE)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios e Ailton Farias da Silva (ambos do SE)
Gols: Guilherme, aos 40 min do 1º
Cartões amarelos: Sammir, Ronaldo (S), Dirceu Lucas, Ewerton Páscoa (C )
Expulsão: Ronaldo (S)
© 2019 Palmares Fest. Todos os direitos reservados