Santa é derrotado pelo Bahia e perde a invencibilidade

Postado em 27 de Janeiro de 2019

Por:Folha/PE

Santa sucumbiu diante da superioridade do adversário no segundo tempo
Santa sucumbiu diante da superioridade do adversário no segundo tempoFoto: Rodrigo Baltar/Santa Cruz FC/Divulgação

A invencibilidade do Santa Cruz em 2019 ruiu diante do primeiro adversário de peso no ano, a Cobra Coral não conseguiu segurar o Bahia e perdeu, na Arena de Pernambuco, por 3x1. Marcos Martins (contra) e Gilberto, duas vezes, anotaram para os visitantes. Elias marcou o único gol dos donos da casa, que permanecem com um ponto após duas rodadas na Copa do Nordeste.

Embora estivesse diante de um adversário visivelmente mais qualificado, o Santa Cruz não adotou uma postura retraída, à espera. Ainda que o Tricolor de Aço realmente contasse com mais posse de bola nos momentos iniciais, era a equipe pernambucana quem oferecia mais perigo quando chegava ao ataque. Uma situação que durou até os 19 minutos.

Após boa jogada pela direita - lado pelo qual o Bahia atormentava os corais -, Nino Paraíba ficou livre na ponta da área e cruzou rasteiro para o meio. Marcos Martins tentou impedir que os rivais pegassem a bola, mas acabou marcando contra as próprias redes. O Santa não demorou a buscar a reação, mas abusou das bolas altas, quase sempre interceptada pela defesa baiana.

Leia também:
Arruda é vetado pela FPF. Santa x Bahia deve ser na Arena
Presidente do Santa veta imprensa de ver gramado, avisa segurança
Santa Cruz começa a mostrar padrão de jogo equilibrado

Eis que, aos 36 minutos, Jô lançou bonita bola para Elias. Na entrada da área, o atacante dominou bonito com a direita e mandou de esquerda, tirando do alcance de Douglas e empatando. Na segunda etapa, mal deu tempo de o Santa respirar. Com um minuto de jogo, Artur encontrou Moisés no segundo pau, que escorou para o meio, de cabeça. Gilberto, revelado no Santa, cabeceou e fez 2x1.

O mesmo Gilberto mostrou porque deixou saudades no Arruda pouco depois. Aos nove minutos, após chute cruzado na área coral, o centroavante do Bahia ficou com a sobra de bola, driblou Ricardo Ernesto e só teve o trabalho de empurrar para o gol vazio e fazer 3x1. Depois de abrir boa vantagem, o time baiano puxou o frio de mão e controlou a vitória até o apito final.

FICHA TÉCNICA:


Santa Cruz 1
Ricardo Ernesto; Marcos Martins, Vitão, Danny Morais e Charles; Raphael Soares, Allan Dias e Diego Lorenzi; Elias (Silas), Augusto (Cesinha) e Jô (Luiz Felipe). Técnico: Leston Júnior

Bahia 3
Douglas; Nino Paraíba, Lucas Fonseca, Jackson e Moisés; Flávio, Guilherme (Douglas Augusto) e Gregore; Artur (Shaylon), Rogério (Élber) e Gilberto. Técnico: Enderson Moreira

Local: Arena de Pernambuco (São Lourenço da Mata)
Horário: 16h
Árbitro: José Ricardo Vasconcellos Laranjeira (AL).
Assistentes: Rondinelle dos Santos Tavares (AL) e Maxwell Rocha da Silva (AL).
Gols: Marcos Martins (contra), aos 19 do 1ºT; Elias, aos 36 do 1ºT; Gilberto, ao 1º minutos e aos 9 do 2ºT.
Cartões amarelos: Artur, Flávio, Guilherme (B); Elias, Allan Dias (S)
Público: 7.343. Renda: 93.370,00

 

© 2019 Palmares Fest. Todos os direitos reservados