Veja como estão as obras nos Aflitos Lorem ipsum dolor sit amet, consectetur adipisicing elit. Quis, neque soluta

Postado em 02 de Julho de 2018

Superesportes vem acompanhando o andamento das obras no estádio dos Aflitos desde que a reforma começou. Prazos foram estipulados, mas, por fatores externos, eles não puderam ser cumpridos. No fim de maio, a comissão paritária do Náutico decidiu não determinar uma data de conclusão para as obras. Porém, o trabalho segue e os prognósticos são positivos ao ver os avanços acontecendo. Acompanhe como está a evolução do processo de reabertura do Eládio de Barros Carvalho. 

Campo

Marlon Diego/Esp.DPGramado passa por últimos retoques para ficar totalmente pronto para ser utilizado
O gramado é a parte mais próxima de ser finalizada. Toda a grama já aderiu bem ao solo e está passando por um processo de “micronivelamento”, para tirar as imperfeições com relação ao piso, como buracos e diferenças no tamanho da grama.  “Já tivemos três cortes aqui no gramado, e além do apoio técnico do nosso engenheiro agrônomo, pode-se dizer que o campo já está totalmente pronto, não só na parte do gramado, mas também irrigação e drenagem”, conta o diretor de patrimônio do Náutico, Eduardo Carvalho. “Faz parte do processo, ele (o gramado) ficar marrom e depois virá em definitivo, verde, encorpado, e em 30 dias o campo já estará apto à prática esportiva”, comenta. 

Ao lado dele, o engenheiro Gustavo Leite, que está prestando serviços ao clube da Rosa e Silva, reforça a fala do dirigente. “A estrutura dos bancos de reserva está finalizada. A contratação da cobertura dos bancos de reserva está bem encaminhada, e os assentos chegam na última leva de cadeiras (juntamente com as que estão chegando para as sociais), e finalizamos totalmente a parte do campo com essa execução”, complementa. A estrutura onde ficará os jogadores e comissão técnica está no mesmo nível do campo, mas dentro do banco há um desnível de 40cm, com um sistema de captação que integra a drenagem do campo. 

Acessos

Marlon Diego/Esp.DPUma das duas novas entradas da arquibancada frontal dos Aflitos
A chegada e saída do torcedor será facilitada com as novas entradas que estão sendo construídas. Novas aberturas e escadas foram feitas na arquibancada frontal e também no setor de sociais. “Hoje temos dois acessos de escada que antes não existiam, que fica na arquibancada chamada antigamente de ‘balança, mas não cai’. Lá eram duas paredes fechadas. Nós abrimos esse acesso e estamos concluindo duas escadas, onde vão melhorar o fluxo de entrada e saída do torcedor. A gente ficava aqui nesse entorno do campo, na hora da saída de jogo, com um fluxo bem apertado. Hoje a gente vai ter um acesso melhor de saída e entrada do torcedor”, explica Eduardo.

“Criamos também um acesso na área da piscina. A piscina tinha um muro que ia até o Country (British Country Club), um muro velho que estava precisando ser reestruturado, e, em reunião com a comissão, resolvemos derrubar esse muro e criamos um espaço novo onde o parque aquático interage com o estádio, e o estádio interage com o parque aquático. Esse acesso de escada vai facilitar também o fluxo de entrada e saída de pessoas que vai para o setor de cabines, facilitando também o acesso da imprensa”, diz. Onde existia esse muro, foram colocadas grades pintadas de vermelho e branco, havendo assim uma integração maior entre os dois ambientes. 

Arquibancadas

Marlon Diego/Esp.DPObras no setor de sociais do Alvirrubro, com requalificação do piso para a instalação das cadeiras
Aqui está o maior número de funcionários na obra. Várias etapas estão acontecendo, desde a requalificação do piso - através de lavagem, pintura e reestruturação -, marquise e mureta, até a colocação das primeiras dez cadeiras no estádio. “A parte estrutural da marquise foi recuperada. Tinham algumas intervenções a serem feitas na parte estrutural. Readequamos e reestruturamos toda a mureta e estamos na fase de acabamento, com revestimento, para já entrar o alambrado de vidro laminado e temperado, chegando a uma altura 1.55 metro, com mureta e vidro. Ficará mais moderno, mais bonito”, relata o diretor de patrimônio. 165 metros do alambrado já estão nos Aflitos prontos para serem instalados.

“Teremos também um piso de concreto entre a mureta e arquibancada, que hoje é de areia, e começará a ser colocado. (Continuaremos a) reestruturação de todo setor de arquibancada com a colocação de 3200 cadeiras. Já chegaram 1300, e à medida que formos instalando, a mercadoria vai chegando”, completa.
  
As chamadas juntas de dilatação também estão sendo refeitas. Elas servem para acomodar melhor a expansão e contração volumétrica natural do concreto da estrutura do estádio, por conta da variação de temperatura.

Vestiários

Na nova configuração, a entrada para o vestiário timbu e da arbitragem será no mesmo local, porém ambos estarão separados estruturalmente. “Abrimos uma nova entrada, alargada, para dar maior acesso dos atletas do Náutico e arbitragem. Eles entrarão pelo mesmo acesso, no setor de cadeiras. Tem uma separação interna, mas o setor de entradas é o mesmo. É algo que não tinha, e agora passou a ter”, conta o dirigente. “Vestiário de visitante foi feita a parte estrutural, tanto do visitante quanto a conclusão do Náutico. Pintura, instalação elétrica, hidrosanitária, tudo está sendo refeita para dar uma melhor acomodação aos atletas tanto do visitante, quanto do Náutico”.

Área externa

Obras mais urgentes para a reabertura do estádio estão no foco da Comissão Paritária, enquanto outras, como a Alameda Alvirrubra, com restaurantes e áreas de lazer, ficam para um segundo momento. “Fizemos contrato com empresa de drenagem, onde foi feita toda a desobstrução dos canos, feita uma estação elevatória com uma bomba, naquela parte que enchia próximo às cadeiras, quando chovia e sempre ficava alagado ali. E temos essa bomba para que esse alagamento não exista mais”, explica Eduardo Carvalho. 
Na parte elétrica do estádio, o clube adquiriu um novo transformador, mais potente, para funcionar em conjunto com os dois já existentes. A parte de cabeamento tem sido reestruturada para que comporte a capacidade do equipamento recém comprado. Outro ponto que era alvo de reclamações da torcida, a iluminação, será melhorada. Cada poste, que antigamente contava com nove refletores, terá 15 agora. 

O Náutico nos Aflitos

Desempenho do time
1.768 jogos
1.138 vitórias (64,37%
336 empates (19%)
294 derrotas (16,62%)
70,7% de aproveitamento
(Competições oficiais e amistosos)

Os cinco maiores públicos

31.613
16/08/1970
Náutico 1 x 0 Santa Cruz
Campeonato Pernambucano

31.061
21/07/1968
Náutico 1 x 0 Sport
Campeonato Pernambucano

29.891
26/11/2005
Náutico 0 x 1 Grêmio
Série B

28.022
04/12/1997
Náutico 0 x 2 América-MG
Série B

22.177
05/07/2001
Náutico 0 x 1 Santa Cruz
Campeonato Pernambucano

A nova capacidade dos Aflitos 
19.600 
Total

Arquibancada leste
6.500 pessoas

curva sul
4.800

cadeiras/sociais
3.700

curva norte
3.400

visitante
1.200 
© 2018 Palmares Fest. Todos os direitos reservados